Donkey Kong Country no Nintendinho!?

Donkey Kong Country

Este é um RARO jogo pirata para o NES de uma compania chamada “Hummer Team”, lançado em 1997.
Apesar do título (Donkey Kong Country 4), este jogo é na verdade o primeiro Donkey Kong Country “transportado” para o NES.
As músicas e efeitos sonoros são “ports” diretos do original de SNES (reduzida qualidade para “caber” no NES), por isso, pelo menos, algumas coisas devem ser familiares. Os gráficos, embora não sejam tão bonitos e detalhados como no SNES, são muito bonitos para um jogo de NES e suas capacidades gráficas.

Além da óbvia diferença de gráficos, veja algumas outras:

-Passwords no lugar de “save files”
-O jogador começa com 25 vidas em vez de 5 (SNES)
-Não há tela de mapa, apenas o Mapa Geral da Ilha
-Por não ter mapa, as fases são sequenciais, terminou uma começa outra
-A música do “Boss” acelera toda vez que você o acerta
-Diddy é mais fraco que DK, para certos inimigos é preciso acertar 2 hits com ele
-Um monte de fases esta faltando! Por examplo, “a selva” tem apenas 4 niveis (includindo o “chefe”)
-Sem fase de Bonus
-Os “parceiros” (Rambi, Enguard, Winky, Expresso, and Squawks) sumiram
-O final original foi removido

Ficou curioso!? Baixe aqui.

O mais incrivel!! Saiu o 2.

Donkey Kong Country 2… on NES

Essa versão feito pela  “HiGame” tem apenas 3 fases, alguns inimigos e um mapa. Os gráficos estão bons, para um NES, já a musica! O que esperar de um 8-bit.

Some more differences:
-No Dixie! One hit and you lose a life.
-No Continues! When dying, you always start from the beginning of the level.
-Banana Coins are there, but they don’t do anything.
-Klobbers can be killed by jumping on them.
-Depressing game ending: The game over screen is shown with the text “The End” and the title music plays.
-Only one animal buddy: Rattly.
-Cartwheel jump does not work.
-You cannot move in between ropes.

Deixe um comentário

Seu e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.