“Não pule!” – Um pequeno hábito que pode garantir a vitória.

mqdefault

Você certamente já começou a jogar algum jogo de luta onde tinha o hábito de pular muito pra acertar os seus combos l33t e demonstrar toda sua habilidade como jogador durante os links ou juggles difíceis, não? Esse aqui é o primeiro passo pra aprender que o bom jogador não vive só disso.



Essa é a mentalidade de muitos jogadores, até alguns velhos de guerra, jogar a partida nas mãos de Deus pulando sem leituras bem sólidas do padrão de fireball ou rasteiras (sweep) do oponente; isso vai levar você a perder partidas que já estavam ganhas ou que se você tivesse tomando a postura ativa de pressionar o oponente pra cometer um erro, garantiria sua vitória de forma simples só brincando com o psicológico das pessoas.

Essa FT3 aqui é uma boa demonstração de como a regra “não pule se você não sabe no que está pulando” ainda é bem válida mesmo em SSFIV e se estende também pra vários jogos de luta que se foquem em fundamentos, mesmo KoF que é um game de jogabilidade extremamente ofensiva os pulos devem ser conscientes e bem medidos; já que alguns supers “secos” punem até hops se forem lidos, como o super do Mr. Karate.

Em resumo: um bom Ryu, tem bom posicionamento, experiência o suficiente pra fazer whiff punishing (punir os golpes que o Daigo joga no vento), conhece o personagem, mas entregou uns 3 ou 4 rounds pro Daigo por tentar pular pra punir fireballs ou fugir do corner.

Fonte: Alvanista

Deixe uma resposta

Seu e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.